Expedição ao Zêzere
Por entre tradições e sabores

86.0096.00

  • Data: 8 a 9 dezembro 2018
  • Duração: 2 dias
  • Preço total: 136 eur/pax
  • Preço de reserva: 86 eur/pax
  • Data limite de inscrições: 16 novembro 2018
  • O restante valor em falta do preço total será pago no dia do evento.
Limpar

Programa

O mundo mágico onde o tempo desacelera; o rio das Cigarras; a tradição do linho; a jóia escondida da Beira Baixa; as aldeias de xisto e granito; o regresso às origens e as tradições rurais; as iguarias gastronómicas do rio Zêzere

A Borealis convida a uma escapadela de dois dias nas serranias do distrito de Castelo Branco, por entre as quais serpenteia o rio Zêzere, o segundo maior rio inteiramente português. Este rio nasce na Serra da Estrela, a 1900 metros de altitude, e o seu nome, de origem árabe, significa “rio das Cigarras”. Nas suas margens surgem pequenas aldeias, portas para um mundo mágico, onde o tempo desacelera. Habitadas por gente acolhedora, ávida por partilhar histórias, lendas e tradições, estes recantos contam-nos segredos de um passado longínquo e presenteiam-nos com iguarias gastronómicas, confecionadas segundo receitas que passam de geração em geração. Outro tesouro da região é o linho, trabalhado “à moda antiga”, em teares e com recurso a técnicas de outros tempos.

Além de costumes e tradições que deleitarão todos os nossos sentidos e nos farão embrenhar nas rotinas dos nossos antepassados, esperam-nos paisagens deslumbrantes, ruas sinuosas e fachadas de xisto ponteadas por seixos redondos e brancos que espreitam por entre as cores da paisagem natural e o impressionante rio Zêzere, imponente e soberano no horizonte.

Aventure-se neste fim-de-semana repleto de tradições e de paisagens de uma beleza rural incomparável e deixe-se surpreender por esta região, dominada pelo misticismo do rio Zêzere.

Itinerário

D1 – À conquista do caminho do Xisto


Em terras albicastrenses, partimos à descoberta do Caminho do Xisto que nos levará até Janeiro de Cima. Percorrendo a velha estrada dos Covões, construída em 1912, encontraremos extensos campos cultivados, envoltos por grandiosos fortes em xisto e os caminhos pelos quais os antigos mineiros se dirigiam às explorações de ouro e estanho. Passaremos também pelo Açude do Esteiro, local propício a banhos na altura do Verão, e pelo Parque Fluvial de Janeiro de Cima, onde ainda hoje se vêem barcas atracadas. Antigamente, este era o único veículo que permitia atravessar de uma margem à outra, assim, se estivermos atentos, ainda ouvimos o ecoar das vozes dos aldeões a chamar “Ó da barca!”. Testemunho da criativa engenharia popular, a Roda de Janeiro de Cima evoca tradições antigas de rega, demonstrado a mestria dos habitantes em utilizar a água do leito do rio para o regadio dos terrenos mais próximos.

Por fim, chegados às ruas sinuosas da aldeia de Janeiro de Cima, poderemos apreciar a forma como os calhaus rolados de cores claras oriundos do rio Zêzere se juntam ao xisto escuro e embelezam muros e fachadas.

Aí, espera-nos ainda um delicioso e tradicional jantar desta região, repleto de iguarias típicas de comer e chorar por mais. Visitaremos também a Casa das Tecedeiras, local onde a tradição do linho é reinventada.

Pernoita em hotel de 4 estrelas.

Distância

11 KM

Dificuldade

2 - MÉDIO BAIXO

Altitude máxima

440 M

Acumulado ascendente

327 M

 

D2 – Trekking pela aldeia branca de Pedrogão Pequeno


No coração da Sertã, por entre um mar de xisto, ergue-se a aldeia branca de Pedrogão Pequeno. Abraçada pelo Zêzere, por florestas riquíssimas e altos penedos, este afloramento de casas construídas com granito é também conhecido como a Jóia da Beira Baixa. As suas ruelas bem típicas escondem histórias, lendas e lembranças dos nossos antepassados que na época dos anos 50 vieram construir a barragem do Cabril. Mas não só de um passado tão recente vive esta aldeia centenária. Por entre o seu património mais relevante, deve-se destacar a Ponte Filipina, construída entre 1607 e 1610, aquando do domínio da dinastia filipina, que até à construção da barragem, se tratava da única ligação com o litoral; e a Igreja Matriz, edificada na primeira metade do século XVI e posteriormente remodelada, evidenciando influências barrocas, manuelinas e renascentistas.

Após mais um dia repleto a viver a boa vida borealis, início da viagem de regresso.

Distância

14 KM

Dificuldade

2 - MÉDIO BAIXO

Altitude máxima

471 M

Acumulado ascendente

564 M

O que incluimos

O que está incluído:

Itens que estão incluídos no preço do evento

  • O programa de trekking especificado
  • Acompanhamento pelos divertidos guias e monitores Borealis
  • Transporte em autocarro Braga-Porto-Coimbra-região do Zêzere-Coimbra-Porto-Braga
  • Pernoita de 1 noite em hotel de 4 estrelas, com todas as comodidades de conforto de acordo com a tipologia, em quarto duplo, com wc privativo e com pequeno-almoço incluído
  • Jantar em restaurante típico, com entradas, dois pratos principais, sobremesa e bebidas (sábado)
  • Visita a Casa das Tecedeiras e demonstração do processo de tecelagem
  • Seguro de acidentes pessoais
  • Reportagem fotográfica digital do evento

O que não está incluído:

Itens que não estão incluídos no preço do evento

  • Alimentação e refeições não mencionadas acima
  • Extras e opções

O que deve levar

  • Botas de trekking
  • Roupa confortável e adequada ao clima
  • Roupa e kit de higiene pessoal para os dias do evento
  • Reforços energéticos e alimentação
  • Cantil/garrafa água
  • Mochila de pequenas dimensões para levar itens essenciais no trekking
  • Conheça as dicas Borealis de material e alimentação para atividades na natureza

Extras e opções

A Borealis está disponível  para adicionar serviços adicionais ao programa base, com um suplemento extra associado, de forma a simplicar a organização da sua viagem e a maximizar a sua experiência na natureza, como:

  • Estadia em quarto single (+ 31 eur/pax)
  • Almoço volante (tipo meal-box), para domingo (+10 eur/pax)

Para tal, basta que indique no momento da reserva a sua pretensão.

Nota: A estadia em quarto single está sujeita a confirmação de disponibilidade; pelo que um dos membros da nossa equipa irá entrar em contacto. O respetivo suplemento será solicitado no dia do evento.

Horas e pontos de encontro

  • BRAGA, no Via Nova Shopping – Hipermercado E.Leclerc (junto ao parque de estacionamento e posto de combustível)
  • PORTO, no Hospital de S. João (em frente à estação de metro do Hospital de S. João, junto à Circunvalação)
  • COIMBRA, junto à Estação de Comboios de Coimbra, o embarque será nas paragens de autocarro, do lado do rio, próximo da praça de táxis)

As horas serão enviadas oportunamente ao grupo de participantes inscritos.

Conheça as regras e recomendações no transporte em autocarro.

Condições de reserva

  • A validação da reserva está sujeita a confirmação do pré-pagamento, correspondente ao preço anunciado de reserva, cujas instruções de pagamento por referência bancária serão emitidas após confirmar a reserva on-line. O prazo limite de pagamento é de 48 horas
  • No caso de realizar inscrições múltiplas, indique no momento finalizar reserva os dados pessoais do(s) participante(s) que pretende inscrever
  • Se o pagamento não for realizado no prazo definido, a sua reserva é automaticamente cancelada sendo notificado via e-mail. A sua reserva fica assim disponível para futuras reservas
  • Inscrições limitadas
  • A realização desta atividade está sujeita a um número mínimo de participantes
  • Consulte o nosso blog antes de ir para conhecer mais dicas, informações importantes e condições gerais de participação
  • Conheça em detalhe as regras de conduta nas atividades na natureza